Direito

VERGONHOSO - STF marca para hoje julgamento do caso André do Rap

Chefe do PCC estava preso em Presidente Venceslau, mas foi solto após determinação do ministro do STF, Marco Aurélio Mello

VERGONHOSO - STF marca para hoje julgamento do caso André do Rap

Opinião Betto Mariano - A mais alta corte do País, vai "perder" tempo para julgar um Habeas Corpus hoje, André do Rap, virou o traficante mais famoso do Brasil ao ser solto por um Ministro do STF, além de enganar a Polícia por 5 anos, André do Rap é o mais rico traficante Brasileiro,e saiu pela porta da frente ! 

Isso era matéria para Juiz de Primeiro Grau !

A Presidência do Supremo Tribunal Federal informou nesta manhã (13) que a a Suspensão de Liminar referente ao caso "André do Rap" será levada para deliberação do Plenário da Corte nesta quarta-feira (14).

QUEM É ANDRÉ DO RAP

Considerado um dos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC), André Oliveira Macedo, conhecido como André do Rap, estava preso desde setembro de 2019, mas foi solto no sábado (10), depois de uma decisão tomada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello.

Hoje, André é considerado um foragido da Justiça. Poucas horas após de ter sido beneficiado com a decisão de Marco Aurélio Mello, o presidente do STF, Luiz Fux, derrubou a liminar e exigiu o retorno imediato do chefe do PCC para a cadeia.

O governador João Doria determinou a prisão imediata do traficante, mas ele não foi localizado.

André cumpria pena na Penitenciária de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo. Ele cumpria uma pena de mais de 25 anos de prisão por tráfico internacional de drogas. No momento em que foi preso, André estava em um condomínio de luxo na cidade de Angra dos Reis, no litoral do Rio de Janeiro. Ele é investigado por administrar o envio de grandes remessas de cocaína para a Europa.

Na mansão onde André estava, a polícia encontrou dois helicópteros - um deles avaliado em cerca de R$ 7 milhões - e uma lancha, estimada em aproximadamente R$ 6 milhões.

O líder do PCC estava cumprindo duas condenações que recebeu em segunda instância por tráfico internacional de drogas. Os investigadores descobriram o esquema no qual André do Rap fazia parte em 2013. Segundo a polícia, trata-se de um dos maiores esquemas de venda de cocaína do Brasil para o exterior, por meio do porto de Santos.

Durante essas investigações, a Polícia Federal chegou a apreender 3,7 toneladas de cocaína, entre janeiro de 2013 e março de 2014.

André do Rap é considerado um aliado de Wagner Ferreira da Silva, o Cabelo Duro, que foi fuzilado - segundo a polícia, como forma de "queima de arquivo" - por estar envolvido nos homicídios de Gegê do Mangue e Paca.

Recentemente, os investigadores passaram a apontar André do Rap como um homem de confiança de Gilberto Aparecido dos Santos, o Fuminho - considerado braço direito de Marco Willians Herbas Camanho, o Marcola. Fuminho está preso em abril deste ano, em Moçambique.


 


Mais notícias sobre Direito

Direito

Fernandópolis - Irmã de Candidato à Prefeito é sentenciada a tirar postagem contra André Pessuto

A coisa parece estar bem quente em Fernandópolis, e tudo indica que a Justiça...