Direito

Promotora do MP/DF publica propaganda nazista no Facebook

Os posts foram feitos no Facebook da promotora em 17 de setembro de 2016 e ainda estavam disponíveis na rede social até a manhã da última terça-feira, 21.

Promotora do MP/DF publica propaganda nazista no Facebook

Uma promotora do MP/DF utilizou suas redes sociais para publicar imagens com cartazes nazistas e mensagens de apoio a Adolf Hitler. As informações foram divulgadas pelo site Congresso em Foco e repercutidas pelo O Globo, Metrópoles e G1.

Segundo o portal, todos os posts foram feitos no Facebook da promotora em 17 de setembro de 2016 e ainda estavam disponíveis na rede social até a manhã da última terça-feira, 21. Após a repercussão, entretanto, a servidora restringiu o acesso ao seu perfil.

Entre os cartazes divulgados, há exaltações ao Führer (líder, em português) e imagens da suástica. Em uma das publicações consta também a mensagem "Kämpft für führer und volk" ("lute pelo líder e pelas pessoas", em tradução livre). Outra conclama os trabalhadores a serem soldados de Hitler.

A apologia ao nazismo é considerada crime no Brasil e está enquadrada na lei 7.716/89. As punições podem levar à multa e à prisão.

"Cura gay"

Essa não é a primeira vez que a promotora se envolve em polêmicas. Em outra ocasião, ela ficou conhecida por arquivar uma denúncia contra professor que prometia a chamada "cura gay". Ao assinar o parecer, a servidora classificou a tal da "cura" para a homossexualidade como liberdade de expressão.


RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais notícias sobre Direito

Direito

Acusados de tráfico são soltos após invasão policial no domicílio

Um paciente acusado de tráfico e a corré deverão ser soltos após...


Direito

STJ tranca ação penal de furto de steak de 4 reais: "Situação absurda"

A 6ª turma do STJ trancou ação penal em que o paciente foi condenado por...


Direito

Ministro do STJ solta mãe que furtou R$ 21 em miojo, coca e suco

Com base no princípio da insignificância, o ministro do STJ Joel Ilan Paciornik...

Direito

EXCLUSIVO - Advogado Clayton Colavite é absolvido por Crime de Homicídio contra o pecuarista Padula

Depois de horas de Julgamentos no Fórum de Jales, o Advogado Clayton Colavite, foi...