Saúde

Procura por teste de Covid-19 aumenta após festas de fim de ano em Rio Preto

Em um laboratório particular, a demanda saltou de 20 exames por dia para 200. Insumos para a realização de exames estão em falta.

Procura por teste de Covid-19 aumenta após festas de fim de ano em Rio Preto

São José do Rio Preto (SP) registrou um aumento na procura por testes que identificam a Covid-19 após as festas de fim de ano. A cidade registrou 2.013 casos positivos da doença em apenas sete dias.

Em um laboratório particular, a demanda saltou de 20 exames por dia para 200. Mesmo sabendo que uma nova variante mais contagiosa estava em circulação pelo mundo, os funcionários não esperavam pelo crescimento.

"A gente nem se preparou para a compra de reagentes. Os fornecedores estavam fechados. Estamos conseguindo comprar agora, mas a previsão de chegada é na semana que vem", diz o bioquímico Flávio Zabini.

Em outro laboratório particular, também chegou a faltar insumos para a realização de exames de Covid-19.

"Temos um bom estoque de material, de reagentes e de testes. Ficamos sem testar na segunda-feira (3). A gente precisou recorrer a algumas empresas de fora para comprar o material, porque não tinha mais", afirma o diretor do laboratório, João Furquim.

Nem o segundo maior complexo hospitalar do estado de São Paulo esperava tamanho aumento na procura por testes. Somente do dia 1º ao dia 5 de janeiro, foram feitos 4.671 exames no Hospital de Base. Deste total, 1.422 deram positivo.

Drive-thru é realizado no estacionamento do Hospital de Base em Rio Preto  — Foto: Hospital de Base/Divulgação

Drive-thru é realizado no estacionamento do Hospital de Base em Rio Preto — Foto: Hospital de Base/Divulgação

"Acho que houve um desleixo da população durante o fim de ano. A população aglomerou. Isso é o principal causador", diz o médico e diretor executivo da Fundação Faculdade Regional de Medicina de Rio Preto (Funfarme), Jorge Fares.

Por enquanto, o hospital não tem registrado casos graves da doença. A estrutura também não foi alterada, mas a quantidade de profissionais afastados assusta.

"Temos 157 funcionários afastados. É uma quantidade muito grande e começa a afetar o atendimento. É um problema. Acredito que isso seja geral", afirma Jorge.

Homem fazendo teste de Covid-19 — Foto: Divulgação

Homem fazendo teste de Covid-19 — Foto: Divulgação



RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.

Mais notícias sobre Saúde

Saúde

Com taxas de ocupação dos hospitais em alta SP anuncia 700 novos leitos

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (26) a ativação de 700...


Saúde

Pacientes morrem na UPA de Jales à espera de leito de UTI Covid

O sofrimento de famílias a espera de uma vaga parece ser o preço a ser pagar,...


Saúde

Jales contabiliza 166 casos Positivos nas últimas 24 horas

Nesta quarta-feira, 26 de janeiro, informamos que, de acordo com a Vigilância...

Saúde

Duas pessoas morrem com Covid-19 na UPA à espera de leito hospitalar; Jales registrou mais 383 casos positivos

Nesta segunda-feira, 24 de janeiro, informamos que de acordo com a Vigilância...