Cidades

Pré-Candidatos de Jales e Aparecida D'Oeste, responderão por calúnia, injúria, difamação e quebra de sigilo Judicial

Não demorou muito para romperem a corda, e ventilar o "nome" do Funcionário Público e Pré-Candidato à Vereador em Jales, que tinha suas digitais inconfundíveis pelos "modus operandi"

Pré-Candidatos de Jales e Aparecida D'Oeste, responderão por calúnia, injúria, difamação e quebra de sigilo Judicial

“diga-me com quem andas e eu te direi quem tu és”

Para uma pessoa conhecer o teu caráter, basta analisar as companhias com quem você gosta de conviver, isto vai dar a ela “uma pista” de que tipo de pessoa você possivelmente é.

Nossas amizades influenciam nossos comportamentos, modificam nossos hábitos, nos fazem frequentar lugares novos e diferentes, nos fazem usar novas palavras e expressões/gírias, nos fazem pensar de novas maneiras, influenciam nossas opiniões, até nosso jeito de se vestir e pentear o cabelo é influenciado às vezes, não é mesmo?

Um conhecido Funcionário Público (Pré-Candidato à Vereador em Jales) e mais três pessoas de Aparecida D'Oeste, devem responder na Polícia Civil, pelos Crimes de: Calúnia, Injúria, difamação, divulgação e compartilhamento de Notícias Falsas, além de quebra de sigilo Judicial !

 As notícias difamatórias e de conteúdo falso, começaram a circular em grupos de whastssap de Aparecida D'Oeste, compartilhadas por Alex Begido, uma mulher conhecida como "Pastora" Andressa e um ex-presidiário preso por tráfico de Drogas que cobra HONESTIDADE !

Não demorou muito para romperem a corda, e ventilar o "nome" do Funcionário Público e Pré-Candidato à Vereador em Jales, que tinha suas digitais inconfundíveis pelos "modus operandi"

Alex Begido e nosso conhecido Funcionário Público, pelo menos na questão de ficha Policial tem "Almas Gêmeas", vejamos:

Jales - Funcionário Público (Pré Candidato/Vereador) 

Condenado - Lei Maria da Penha (Agressão contra Mulher) - Vara Estadual Jales

Condenado - Direção Perigosa (Dirigir Embriagado ) - Vara Estadual (Fernandópolis/Jales)

Condenado - Queixa-Crime (Difamação) - Juizado Especial Cível de Jales

Condenado - Processo Administrativo (Agressão contra colega em serviço)

Ameaça - Juizado Especial Cível de Jales (Processo suspenso temporariamente - Pandemia)

Reparação por Dano Moral - Vara Estadual de Jales - (Processo suspenso Temporariamente - Pandemia)

Indiciado - Polícia Federal - Desvio de Verba Pública (Negligência) - Em análise Ministério Público Estadual de Jales

Alex Begido - Aparecida D'Oeste (Pré -Candidato/Vereador)

Expulso - Polícia Militar do Estado de São Paulo - (Mau comportamento inerente aos Princípios da Corporação da PM de São Paulo).

Condenado - Difamação ( Contra Oficial da Polícia Militar de São Paulo) - Condenado 10 mil reais/Processo de Execução não cumprido (suspeita de esconder bens à Penhora)

Medida Protetiva - Vara Estadual de Palmeira D'Oeste (Ameaça à Testemunhas) - Vigente

Alex Begido e 'Pastora" Andressa, são Pré-Candidatos e apoiados pelo atual Prefeito de Aparecida D'Oeste e também Pré-Candidato à Reeleição Maércio Menezes.

Os três Pré-Candidatos, um de Jales e dois de Aparecida D'Oeste responderão além dos crimes contra Honra, a divulgação e quebra de Sigilo Judicial.

O ex-presidiário, além do Crimes contra Honra (compartilhamento) também deve responder por Ameaça !

 


Mais notícias sobre Cidades

Cidades

Vice-prefeito Garça apresenta novo Núcleo Central de Saúde para a família do médico Antonio Queda, que deu nome à unidade

Mais uma grande conquista para a população de Jales: a Prefeitura, por meio de sua...


Cidades

CriArte: Feira de Artes Manuais e Gastronomia será realizada em dezembro, em Fernandópolis

Após o sucesso de 2019, a CriArte – Feira de Artes Manuais e Gastronomia...


Cidades

Cadeirante morre ao ser jogado de viaduto em tentativa de assalto

Um cadeirante morreu após ter sido jogado do viaduto da Rua 13 de Maio no Rio Bauru, no...

Cidades

MPF seleciona estudantes de Direito para estágio em Jales

O Ministério Público Federal em São Paulo está com...