Polícia

Mulher é encontrada morta em casa com golpe de faca no peito

De acordo com informações apuradas pelo sbtinterior.com, ela morava com um homem que não estava na casa quando ela foi encontrada.

Mulher é encontrada morta em casa com golpe de faca no peito

Uma mulher de 28 anos morreu após ser esfaqueada nesta quinta-feira (21), na rua Tamoio, em Birigui, região de Araçatuba (SP).

Segundo a Polícia Militar, a viatura estava fazendo patrulhamento de rotina quando foram informados sobre o crime.

Quando os policiais chegaram, a mulher já estava sendo socorrida por uma equipe do Corpo de Bombeiros. Ela estava caída no quintal da casa onde mora com um ferimento no lado esquerdo do peito.

Ao chegar no hospital, a vítima acabou não resistindo ao ferimento. O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico, onde um laudo deve apontar a causa da morte.

De acordo com informações apuradas pelo sbtinterior.com, ela morava com um homem que não estava na casa quando ela foi encontrada.

O local do crime foi preservado até a chegada da perícia. Um inquérito vai ser instaurado pela DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) para investigar o caso. A polícia está procurando o suspeito de cometer o crime.


Mais notícias sobre Polícia

Polícia

Aarecida D'Oeste - Morador é autuado em 5 mil reais por manter espécies da fauna silvestre em cativeiro.

Em 26 de fevereiro de 2021, durante Operação Toque de Restrição,...


Polícia

Homem perde R$ 53 mil ao tentar comprar caminhonete anunciada na internet, caso semelhante também aconteceu em Jales

Um caso semelhante a este aconteceu semana passada em Jales, que usou o site OLX, com noticia...


Polícia

Polícia Militar de Fernandópolis apreende 85 tijolos de maconha em trem da Ferrovia Norte/Sul

Uma denúncia levou a Polícia Militar de Fernandópolis realizar a maior...

Polícia

Homem é preso por cárcere privado e violência doméstica após mulher pedir socorro com foto nas redes sociais

Um caminhoneiro de 41 anos foi preso em flagrante por cárcere privado e violência...