Cidades

MPF pede que responsáveis por obra de creche parada em Turmalina cubram gastos para conclusão

Obra de creche já recebeu mais de R$ 1 milhão em investimentos desde 2008. Durante o período três empresas passaram pela obra.

MPF pede que responsáveis por obra de creche parada em Turmalina cubram gastos para conclusão

O Ministério Público Federal (MPF) pediu que a construção de uma creche de Turmalina (SP) seja finalizada e que os responsáveis cubram com os gastos, já que a construção começou em 2008, passou por três empresas e custou mais de R$ 1 milhão.

De acordo com o MPF, um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) foi assinado. Dois ex-prefeitos, um engenheiro e as três empresas terão que pagar multa no valor de R$ 15 mil cada.

“Liberar R$ 1 milhão que estavam praticamente desperdiçados é complicado para um município pequeno. Foi muito dinheiro público para o ralo”, afirma José Rubens Plates, procurador da República.

Ainda segundo o MPF, o valor da multa foi dividido entre 18 parcelas. Há dois meses elas já estão sendo depositadas.

De acordo com o atual prefeito, Alexandre Ribeiro Pereira, além dos R$ 90 mil que serão destinados para o TAC, o município investirá mais de R$ 200 mil para terminar a creche.

“Até o dia 15 de setembro iremos retomar a construção que será executada pelos nossos funcionários”, afirma Alexandre.

Ainda conforme o atual prefeito, a obra deve ser concluída até o fim do ano que vem, prazo exigido pelo MPF.

TV TEM entrou em contato com os dois ex-prefeitos citados na reportagem. Fernanda de Menezes afirmou que deu andamento na obra, mas não conseguiu liberação de recursos por causa de irregularidades cometidas por gestões anteriores. Israel Costa não respondeu os questionamentos.

Obra em creche está parada desde 2008 em bairro de Turmalina  — Foto: Reprodução/TV TEM

Obra em creche está parada desde 2008 em bairro de Turmalina  — Foto: Reprodução/TV TEM

Obra em creche está parada desde 2008 em bairro de Turmalina — Foto: Reprodução/TV TEM


Mais notícias sobre Cidades

Cidades

Fernandópolis - Justiça decreta intervenção na Santa Casa

A Justiça de Fernandópolis, através do juiz Vinícius Castrequini, da...


Cidades

Santa Fé do Sul / Prefeitura terá de pagar R$108, 2 mil para ex-vereadores

Não é difícil nas Eleições achar candidatos que


Cidades

Não há motivos para uma prisão, diz advogado de Gilmar Gimenes

Em uma entrevista coletiva, o advogado Ricardo Franco de Almeida, que defende o preso Gilmar...

Cidades

Polícia confirma prisões de membros de Conselho da Santa Casa.

A operação deflagrada nesta segunda feira (17) pela Policia Civil de...