Direito

Juiz autoriza abertura de supermercados em Rio Preto

Decisão saiu na noite desta quarta-feira (17), mesma data em o município entrou em “lockdown” para frear o avanço da Covid-19.

Juiz autoriza abertura de supermercados em Rio Preto

O juiz 1ª Vara da Fazenda Pública de São José do Rio Preto (SP), Adilson Araki Ribeiro, concedeu liminar autorizando a abertura de supermercados na cidade.

A decisão saiu na noite desta quarta-feira (17) e acolhe pedido da Associação Paulista de Supermercados (Apas).

Rio Preto decretou “lockdown” para frear o avanço da Covid-19. A medida proíbe a circulação de pessoas e abertura de serviços essenciais, inclusive hipermercados e supermercados.

Adilson Araki Ribeiro alegou que compreende a intenção de diminuir infecções, internações e consequente mortes que assolam o município e a todo o país.

Porém, entendeu que a legalidade deve prevalecer e depois advirem as ações por decreto dos entes federativos com base na interpretação da legalidade superior.

“Diante disto, defiro a liminar para desconstituir os efeitos quanto aos supermercados do decreto 18.661/21 e que voltem a abrir sob respeito ao disposto no Plano SP", escreveu o juiz na liminar.

Segundo a assessoria de imprensa da Associação Paulista de Supermercados (Apas), os supermercados poderão reabrir as portas a partir desta quinta-feira (18).

Em nota, a Prefeitura de Rio Preto afirmou que vai recorrer imediatamente. “Segundo a Saúde, a medida traz sérias consequências no momento mais complicado da pandemia. Porém, vamos aguardar a intimação para cumprir a decisão e verificar o seu teor”, disse o Executivo.


Mais notícias sobre Direito

Direito

TJ-SP SUSPENDE LIMINAR QUE DETERMINAVA VACINAÇÃO DE OFICIAIS DE JUSTIÇA DE JALES

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) derrubou uma liminar concedida pelo...


Direito

Jales - Ministério Público determina abertura de TC para possível Crime de Prevaricação contra Presidente da Câmara Municpal

O Ministério Público Estadual de Jales, deferiu Requerimento de...


Direito

STF julga hoje se mantém instalação da CPI da Covid

Nesta quarta-feira, 14, a partir das 14h, o STF daria (ou dará) início ao...

Direito

Cármen Lúcia pede que Supremo julgue queixa contra Bolsonaro por genocídio

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia pediu que o presidente...