Direito

JALES - PREFEITO LUÍS HENRIQUE E SEIS VEREADORES TIVERAM SUAS CONTAS ELEITORAIS DESAPROVADAS PELA JUSTIÇA

Porém com relação ao Prefeito Luiz Henrique Moreira, suas contas Eleitorais foram regularizadas no dia 12 de fevereiro do corrente ano.

JALES - PREFEITO LUÍS HENRIQUE E SEIS VEREADORES TIVERAM SUAS CONTAS ELEITORAIS DESAPROVADAS PELA JUSTIÇA

A matéria é do Blog do Cardosinho.

Porém com relação ao Prefeito Luiz Henrique Moreira, suas contas Eleitorais foram regularizadas no dia 12 de fevereiro do corrente ano.

Com relação as irregularidades, posso falar por experiência própria, nós os Candidatos fornecemos todos os documentos necessários para a prestação de contas, e isto fica a cargo de um Profissional que possivelmente falhou nas prestações de contas, e acaba doendo no bolso do candidato, a maioria acaba sendo pega de surpresa quando já praticamente não cabe mais nenhum recurso e só resta pagar as "multas".

A juíza eleitoral de Jales, Maria Paula Branquinho Pini (foto), já julgou a maioria das prestações de contas dos candidatos a cargos eletivos do Executivo e do Legislativo nas eleições municipais de novembro de 2020.

As contas do prefeito eleito Luís Henrique dos Santos Moreira(PSDB), foram DESAPROVADAS e, o que é pior, ele terá que recolher (pagar) R$ 33,7 mil ao seu partido e ao Tesouro Nacional, referentes a sobras de campanha e gastos eleitorais irregulares.

Luís Henrique não foi o único candidato a prefeito punido pela Justiça Eleitoral. O petista Luís Especiato também teve suas contas DESAPROVADAS e terá que recolher R$ 5,9 mil ao Tesouro Nacional, referentes a recursos de origem não identificada.

Além deles, pelo menos SEIS candidatos a vereador ELEITOS também tiveram suas prestações de contas DESAPROVADAS. É o caso de Andrea Cristina Moreto Gonçalves (PODE), condenada a recolher R$ 5,4 mil ao Tesouro Nacional. Já o seu companheiro de partido, Elder Mansueli, terá que recolher R$ 2,5 mil.

Ana Carolina Amador(MDB) é outra que terá que recolher R$ 2,5 mil ao Tesouro Nacional, enquanto seu colega Vanderley Vieira dos Santos(DEM) deverá recolher R$ 1,9 mil. Já o nobre edil João Zanetoni(PSD) deveria recolher R$ 231,40, mas foi perdoado pela Procuradoria Regional da República porque a cobrança de valores abaixo de R$ 1 mil seria antieconômica.

Entre os vereadores que tiveram as contas DESAPROVADAS, o campeão é Ricardo Alexandre Fernandes Gouveia(PP). A Justiça determinou que ele terá que recolher R$ 39 mil, sendo R$ 18 mil ao seu partido, relativos a sobras de campanha, R$ 7 mil ao Tesouro Nacional, e R$ 14 mil ao Fundo Partidário, referente a multa por ultrapassar o limite de gastos.

Já os vereadores Bismark Kuwakino(PSDB), Hilton Marques(PT), Bruno de Paula(PSDB) e Rivelino Rodrigues(PP) tiveram suas contas eleitorais aprovadas, sendo que os dois últimos com ressalvas.

Entre os candidatos a vereador NÃO ELEITOS, pelo menos 14 tiveram suas prestações de contas DESAPROVADAS e terão que recolher alguma grana em favor do Tesouro Nacional. Todos os candidatos – eleitos e não eleitos – que tiveram suas contas desaprovadas poderão, é claro, recorrer às instâncias superiores da Justiça Eleitoral.

Eis os candidatos NÃO ELEITOS e os respectivos valores a serem recolhidos ao Tesouro Nacional:

ADAUTO JOSÉ DE OLIVEIRA (PP) – R$ 5.000,00

ANDREIA CRISTINA DE JESUS (PODE) – R$ 6.578,05

JOSÉ ROBÉRIO BANDEIRA DE MELO (PODE) – R$ 1.848,05

FÁBIO DE LIMA (PT) – R$ 1.800,00

LUIZ HENRIQUE VIOTO (PSD) – R$ 1.723,00

LEANDRO ANTONIO BIGOTTO (PODE) – R$ 2.700,00

MÁRCIO HENRIQUE RIBEIRO (PP) – R$ 389,00

MÁRIO HENRIQUE LOPES DE MOURA (PT) – R$ 1.830,00

ROSIMEIRE SANTANA FASSA (PV) – R$ 708,60

ELZA MARIA DE ANDRADE (PT) – R$ 1.800,00

RICARDO SAMARTINO ALBINO (PV) – R$ 650,00

RODOLFO FERREIRA PENTEADO (PT) – R$ 280,00

SÉRGIO APARECIDO GOMES (PV) – R$ 1.001,40

WAGNER SELIS PINTINHO (PSDB) – R$ 1.700,00


Mais notícias sobre Direito

Direito

A partir de hoje dia 14, composições que buzinarem após 22 horas sem justificativa; 20 mil reais de multa por trem !

A partir de hoje dia 14 de junho de 2021, cada composição da Rumo que for...


Direito

Mulher traída pelo marido não receberá danos morais

A 4ª câmara Cível do TJ/RJ negou o pedido de indenização por...


Direito

Justiça Federal de Jales, acata pedido do MPF e determina pagamento de multa por Buzinas fora de horário restrito !

É uma decisão histórica para Jales e centenas de moradores de nossa...

Direito

MPF quer que concessionária Rumo pague multa por trens continuarem buzinando de madrugada em Jales (SP)

O Ministério Público Federal (MPF) quer que as concessionárias Rumo S.A. e...