Polícia

Homem é preso por manter cachorra em situação de maus-tratos em Andradina

Equipes do 2º Distrito Policial receberam denúncia e enviaram equipes no local; policiais encontraram a cadela da raça pitbull extremamente magra e com parasitas. Ela foi levada a uma clínica veterinária e encaminhada para um lar temporário.

Homem é preso por manter cachorra em situação de maus-tratos em Andradina

Uma cachorra vítima de maus-tratos foi resgatada no bairro Jardim Santa Cecília, em Andradina (SP), na manhã desta quarta-feira (6).

Equipes do 2º Distrito Policial receberam denúncia e enviaram equipes para verificá-la, encontrando uma cadela da raça pitbull extremamente magra e com parasitas.

De acordo com a Polícia Civil, o dono da residência disse que estava com o animal há aproximadamente cinco meses.

A cachorra foi encaminhada para uma clínica veterinária. Exames apontaram que ela apresentava quadro de subnutrição grave. O animal recebeu medicamentos e foi levado para um lar temporário.

Ainda segundo a Polícia Civil, o homem recebeu voz de prisão em flagrante por maus-tratos a animais e permanece à disposição da Justiça.

Cachorra foi encaminhada para uma clínica veterinária de Andradina  — Foto: Arquivo pessoal

Cachorra foi encaminhada para uma clínica veterinária de Andradina — Foto: Arquivo pessoal



RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.

Mais notícias sobre Polícia

Polícia

Idosa morre e aposentado fica ferido em queda de elevador

Uma idosa morreu e um policial aposentado ficou ferido após a queda de um elevador na...


Polícia

Motorista morre ao bater em passarela em W.L. em Mirassol

Um motorista de um caminhão da empresa Polus de Votuporanga morreu após colidir...


Polícia

Criminosos armados assaltam shopping Iguatemi em Rio Preto

Criminosos invadiram e assaltaram o shopping Iguatemi, na noite desta sexta-feira (14), em Rio...

Polícia

Ex-prefeito de Dolcinópolis deve voltar a cumprir pena em regime fechado.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Humberto Martins, indeferiu...