Geral

Filho do cantor Roberto Carlos morre após batalha contra o câncer

Dudu Braga ficou muito debilitado após a descoberta de um câncer no peritônio.

Filho do cantor Roberto Carlos morre após batalha contra o câncer

Dudu Braga, filho de Roberto Carlos, morreu às 14h21, nesta quarta-feira (8), após uma batalha contra o câncer. Ele enfrentava um câncer no peritônio (membrana que envolve a parede abdominal), desde setembro do ano passado. A morte foi confirmada por fontes de Quem. O radialista e produtor deixa a mulher Valeska, com quem era casado há 17 anos e tinha Laura, de 5 anos, e os filhos Giovanna, de 22 anos, e Gianpietro, de 17 anos, frutos de um relacionamento anterior. 

No boletim oficial divulgado pela assessoria de imprensa do "Rei", relata que Dudu passou por uma série de internações para tratamento quimioterápico e cirurgia. Esta foi a terceira vez que Dudu enfrentou a doença depois de vencer duas batalhas contra o câncer de pâncreas em 2019.

Em agosto deste ano, Dudu oficializou a união com Valeska. A cerimônia, para apenas 12 convidados, foi abençoada pelo padre Antônio Maria e contou com a presença de Roberto Carlos, que tem seguido uma rígido isolamento social desde que a pandemia estourou no Brasil.

Em entrevista para Quem, ele falou sobre o tratamento. "O meu câncer voltou ano passado, apareceram três pontinhos no peritônio. Fiz o tratamento, fiquei bem e voltou [o câncer] há um mês. Comecei a ter umas recidivas de ter que voltar para o hospital. O meu aparelho digestivo estava ficando inflamado com uma certa facilidade", explicou ele, em conversa com Quem direto do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, onde estava sendo tratado pelo oncologista Fernando Maluf.

Dudu Braga - que foi diagnosticado com glaucoma logo ao nascer e perdeu a capacidade visual - é um dos quatro filhos de Roberto Carlos. Ele nasceu em 1969, fruto do casamento com Cleonice Rossi, que morreu de câncer de mama em 1990. Deste casamento também nasceu Luciana. Além de Dudu e Luciana, Roberto é padrasto de Ana Paula - morta em 2011 após uma parada caríaca - Rafael.


RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais notícias sobre Geral

Geral

Em decisão inédita, OAB SP exclui advogado de seus quadros devido à prática de racismo

São Paulo, 3 de dezembro de 2021.   Pela primeira vez na...


Geral

Após casos de ômicron, Governo de SP decide manter exigência de máscara em espaços abertos

O Governador João Doria decidiu nesta quinta-feira (2) atender recomendação...


Geral

Artesp convoca empresas para assumirem linhas intermunicipais na região de Jales (SP)

Solicitação da Transrápido São Francisco, atual...

Geral

Estado de São Paulo confirma 3º caso da variante Ômicron

A Secretaria de Estado de São Paulo confirmou, nesta quarta-feira (1), o terceiro caso da...