Geral

Diego Maradona morre na Argentina aos 60 anos

Maior jogador da história do futebol argentino sofreu uma parada cardiorrespiratória em sua casa. O Pibe de Ouro havia passado por uma cirurgia no cérebro no início do mês. Velório será na Casa Rosada.

Diego Maradona morre na Argentina aos 60 anos

Maior jogador da história da Argentina e lenda do futebol mundial, Diego Armando Maradona morreu nesta quarta-feira (25) aos 60 anos.

O governo da Argentina declarou luto oficial de três dias após a morte de Maradona. O corpo do jogador será velado na Casa Rosada, a sede da presidência argentina em Buenos Aires, a partir desta quinta-feira.

O craque argentino sofreu uma parada cardiorrespiratória em sua casa na cidade de Tigre, na região metropolitana da capital. Conhecido como "El Pibe de Oro", o jogador passou por uma delicada cirurgia no cérebro no começo do mês e recebeu alta oito dias depois, após drenar uma pequena hemorragia cerebral.

O médico Leopoldo Luque afirmou na ocasião que a cirurgia era considerada simples, mas havia preocupação pela condição de saúde do ex-jogador.

 

 

Maradona deixa três filhas (Dalma, Gianinna, Jana) e dois filhos (Diego e Diego Fernando) — e uma trajetória vitoriosa no futebol: ganhou a Copa do Mundo de 1986 com a seleção argentina e foi vice em 1990. Passou por grandes clubes, como Boca JuniorsBarcelona e Napoli, e atuou como técnico, inclusive dirigindo a equipe nacional na Copa de 2010.

A 'mão de Deus'

 

Campeão mundial na Copa do Mundo de 1986, quando ficou eternizado pelos dois gols que marcou contra a seleção da Inglaterra nas quartas de final, Maradona era reverenciado e tratado como Deus na Argentina.

 

“Muitas vezes me dizem: 'Você é Deus'. E eu respondo: 'Vocês estão equivocados'. Deus é Deus, e eu sou simplesmente um jogador de futebol”, afirmou o craque argentino em 1991.

 

Seu gol de mão contra a Inglaterra ficou mundialmente conhecido pela "mão de Deus". O outro tento, em que Maradona driblou metade do time (inclusive o goleiro), foi eleito pela Fifa em 2002 como o mais bonito da história das Copas do Mundo.

Maradona também jogou as Copas de 19821990 1994. Em 1990, ele e Caniggia fizeram a jogada que eliminou a seleção brasileira nas oitavas de final. Em 1994, foi pego no exame de antidoping e cortado da seleção argentina.


Mais notícias sobre Geral

Geral

O pudim de leite condensado das Forças Armadas

O artigo de hoje é desmancha prazeres. Ele desmente a informação de que...


Geral

Eduardo Bolsonaro tenta justificar a compra de leite condensado para a dieta dos soldados

Eduardo Bolsonaro virou motivo de piada nesta quarta-feira (27) após usar suas redes...

Geral

Filha de Fachin, professora de Direito, assina manifesto pelo impeachment de Bolsonaro

Uma das filhas do ministro Edson Fachin, ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), assinou...