Saúde

Dia 1º de Outubro – Dia Internacional do Idoso

Atualmente 90% dos pacientes são assintomáticos e seu diagnóstico é, muitas vezes, realizado “por acidente”, sendo um achado de outro exame como ultrassom ginecológico, tomografia de tórax, entre outros.

Dia 1º de Outubro – Dia Internacional do Idoso

Sugestão de Fonte: Urologista Dr. Danilo Galante

Temas: Andropausa e Câncer de Rim

Dia 1º de outubro comemora-se mundialmente o Dia do Idoso. Para a data, o urologista Dr. Danilo Galante sugere duas pautas bem importantes.

A primeira é sobre o câncer de rim, que ocorre geralmente em homens brancos acima dos 60 anos.

Atualmente 90% dos pacientes são assintomáticos e seu diagnóstico é, muitas vezes, realizado “por acidente”, sendo um achado de outro exame como ultrassom ginecológico, tomografia de tórax, entre outros.

A doença está relacionada a fatores de risco como tabagismo, obesidade, insuficiência renal dialítica, hipertensão arterial, uso abusivo de analgésicos, e exposição a substâncias tóxicas como cádmio, asbesto e derivados do petróleo. O tratamento é sempre cirúrgico.

A segunda pauta está relacionada à andropausa, conhecida pelos urologistas como Deficiência Androgênica do Envelhecimento Masculino (DAEM), isto é, diminuição nos níveis de testosterona (hormônio responsável por controlar o desejo sexual) que pode causar disfunções eréteis, baixa produção de espermatozoides e perda de força muscular.

Segundo a Sociedade Brasileira de Urologia, aproximadamente 20% dos homens podem sofrer uma queda abrupta de hormônios e apresentar sintomas como cansaço, alterações de humor, acúmulo de gordura abdominal, diminuição de massa óssea, perda de libido e disfunção erétil.

De acordo com Galante, a insuficiência de testosterona está associada a um maior risco de morte e desenvolvimento de doenças cardiovasculares, segundo apontam alguns estudos. “Por isso, é importante acompanhar os níveis de hormônios e, se for o caso, fazer uma reposição com testosterona para aliviar os sintomas e melhorar a qualidade de vida. Lembrando que os sintomas sexuais são fundamentais na definição de reposição hormonal para um homem”, complementa o especialista.

Dr. Danilo Galante – formado em medicina pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) com especialização em Urologia pela UNESP. Pós-graduado em Cirurgia Robótica pelo Hospital Oswaldo Cruz – SP. Doutorado em urologia pela USP, além de Fellow Observer of Johns Hopkins School of Medicine Brady Urological Institute Laparoscopic and Robotic Urologic Surgery. Membro Titular da Sociedade Brasileira  de Urologia e Instrutor do ATLS (Advanced Trauma Life Support), atua em áreas diversificadas como Cálculos Urinários; Infertilidade (incluindo Reversão de Vasectomia), Disfunção Sexual e Cirurgia Robótica.


RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais notícias sobre Saúde

Saúde

Jales - De acordo com a Vigilância Epidemiológica foram registradas 14 notificações de casos suspeitos para o novo Coronavírus

De acordo com a Vigilância Epidemiológica foram registradas 14...


Saúde

Nesta quinta-feira, 21 de outubro, haverá mais um drive-thru para reforçar a campanha de vacinação contra a covid-19 em Jales.

Nesta quinta-feira, 21 de outubro, haverá mais um drive-thru para reforçar a...


Saúde

Jales - Dengue: Secretaria de Saúde intensifica vistorias em imóveis e terrenos e orienta para o Dia de Finados

A equipe municipal de combate às endemias está intensificando as vistorias nos...

Saúde

Secretaria de Saúde de Urânia organiza o 5º Mutirão de Prevenção ao Câncer de Próstata

Durante o mês de novembro, a Prefeitura de Urânia, através da Secretaria...