Geral

BOLSONARO AUTORIZA EMPRESAS A DEIXAR TRABALHADORES SEM SALÁRIOS POR QUATRO MESES

Enquanto a Inglaterra pretende pagar 80% dos salários dos trabalhadores que ficarão em casa e os Estados Unidos discutem uma renda mínima de US$ 1 mil para cada cidadão, Jair Bolsonaro editou uma medida provisória que permite aos empresários pagar qualquer coisa aos seus funcionários durante quatro meses.

BOLSONARO AUTORIZA EMPRESAS A DEIXAR TRABALHADORES SEM SALÁRIOS POR QUATRO MESES

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou na noite deste domingo (22) no Diário Oficial uma MP (medida provisória) que autoriza suspensão do contrato de trabalho por até quatro meses.

No período, o empregado deixa de trabalhar, assim como o empregador não pagará salário. A empresa é obrigada a oferecer curso de qualificação online ao trabalhador e a manter benefícios, como plano de saúde.

Pelo texto, a negociação individual ficará acima de acordos coletivos e da lei trabalhista. Estão preservados os direitos previstos na Constituição. A MP diz que o curso ou o programa de qualificação profissional online será promovido pelo empregador, diretamente ou por meio de entidades responsáveis pela qualificação.

Uma MP tem força de lei pelo período de 60 dias, prorrogáveis pelo mesmo prazo, até que seja apreciada pelo Congresso. Se não for votada, perde a validade.

A medida valerá durante o estado de calamidade pública em razão do coronavírus, com prazo definido até o fim deste ano.

Segundo o texto, o empregador poderá conceder uma ajuda compensatória mensal, “sem natureza salarial”, “com valor definido livremente entre empregado e empregador, via negociação individual”.

A MP, diferentemente do anunciado pela equipe do ministro Paulo Guedes (Economia), não prevê a redução da jornada de trabalho em 50% com respectiva redução do salário pela metade.


Mais notícias sobre Geral

Geral

Brasil tem 800 mortes e 15.927 casos confirmados de coronavírus, diz ministério

O balanço dos casos de Covid-19 divulgados pelo 


Geral

INSS antecipa pagamento de um salário mínimo de auxílio-doença

O Diário Oficial da União traz portaria que disciplina a antecipação...


Geral

Saiba como se Cadastrar no Auxílio Emergencial

ATENÇÃO NÃO ENTREGUE SEUS DADOS A NINGUÉM PARA...

Geral

Bolsonaro decide demitir ministro da Saúde Mandetta, diz jornal

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, pode ser demitido do cargo ainda nesta...