Direito

APÓS RECOMENDAÇÃO DO MPF E DO MP-SP, FRIGOESTRELA VAI REALIZAR TESTES DE COVID EM 1,5 MIL FUNCIONÁRIOS

O MPF e o MP/SP esclarecem que não foi feita nenhuma solicitação ou acordo para que os demais municípios da região realizem a testagem de seus cidadãos que trabalham no FrigoEstrela, ao contrário do que vem sendo divulgado pelo gestor de Estrela D’Oeste.

APÓS RECOMENDAÇÃO DO MPF E DO MP-SP, FRIGOESTRELA VAI REALIZAR TESTES DE COVID EM 1,5 MIL FUNCIONÁRIOS

Após recomendação do Ministério Público Federal (MPF) e do Ministério Público do estado de São Paulo (MP/SP), o frigorífico FrigoEstrela, em Estrela D’Oeste (SP), vai realizar testes para detecção do novo coronavírus em todos os seus 1,5 mil funcionários. A medida foi recomendada pelos MPs depois de ser verificado que um número considerável de trabalhadores da empresa está entre os infectados pela covid-19 no município e em outras cidades do noroeste paulista. A recomendação também foi direcionada à prefeitura de Estrela D’Oeste, para que intensifique a fiscalização e verifique se o frigorífico está de fato executando os testes conforme informado.

O MPF e o MP/SP esclarecem que não foi feita nenhuma solicitação ou acordo para que os demais municípios da região realizem a testagem de seus cidadãos que trabalham no FrigoEstrela, ao contrário do que vem sendo divulgado pelo gestor de Estrela D’Oeste.

Em vídeo veiculado na imprensa e nas redes sociais, bem como em ofício encaminhado às prefeituras de 16 cidades do noroeste paulista, Marcos Antonio Saes Lopes diz que os prefeitos desses municípios ficariam responsáveis por efetuarem os testes da covid-19 semanalmente em todos os seus munícipes que são transportados até a unidade do FrigoEstrela em Estrela D’Oeste.

No documento, o prefeito afirma que a medida foi definida em reunião com o MPF, o MP/SP e a diretoria do frigorífico. Contudo, tal acordo envolvendo outras cidades da região não ocorreu. “A realização de testes foi recomendada apenas ao FrigoEstrela, que deverá ser fiscalizado pela prefeitura de Estrela D’Oeste. Não poderíamos estabelecer responsabilidades para os gestores dos demais municípios sem que eles também participassem da reunião”, esclarecem os autores da recomendação.

Cumprimento – Atendendo aos pedidos dos Ministérios Públicos, o frigorífico informou que os testes serão feitos por um laboratório particular entre os dias 24 de junho e 3 de julho, tendo em vista a capacidade do estabelecimento em atender até 200 pessoas por dia. Além da testagem em massa, o MPF e o MP/SP solicitaram que a empresa adotasse diversas medidas sanitárias e de distanciamento entre os funcionários para conter a propagação do novo coronavírus em suas instalações.

O Frigo Estrela comunicou que todas as providências elencadas na recomendação já foram implementadas, conforme disposto em seu Plano de Contingência no Combate a Covid-19, revisado periodicamente segundo as orientações dos Ministérios da Economia, da Saúde e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Veja a resposta da empresa na íntegra.

 


Mais notícias sobre Direito

Direito

EFEITO CORONAVÍRUS: JUIZ DE JALES CONCEDE LIMINAR QUE SUSPENDE POR 120 DIAS CONTRATO DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULO

O juiz Fernando Antonio de Lima, da Vara Especial Cível e Criminal, concedeu liminar a um...


Direito

EX-SECRETÁRIO ALDO NUNES PROCESSA PREFEITURA POR DANOS MORAIS

O ex-secretário Aldo José Nunes de Sá ingressou na Justiça local com...


Direito

COVID 19: Moradora de Santa Clara D'Oeste move ação judicial contra Santa Casa de Santa Fé do Sul

Uma moradora de Santa Clara D'Oeste está movendo uma ação judicial...

Direito

Juiz federal e advogados são presos, acusados de fraude com precatórios

O juiz Leonardo Safi de Melo, da 21ª Vara Federal Cível de São Paulo,...